(21) 3182 8282 Whatsapp Horários
CONTEÚDO CREB SOBRE SAÚDE

Consultar um reumatologista é fundamental para a prevenção de lúpus

 

A cantora Lady Gaga anunciou, em entrevista ao programa “Larry King Live”, de Larry King, em cadeia nacional nos Estados Unidos, que fez teste para lúpus, com resultado positivo. Ela explicou que o lúpus está no histórico familiar de sua família, que não tem os sintomas característicos da doença, mas que está se cuidando. E disse, encerrando o assunto: “estou bem”.

Talvez sem querer, Lady Gaga acabou por prestar um serviço à qualidade de vida: ao divulgar que fez o exame para lúpus e deu positivo, ela demonstra que é preciso consultar um reumatologista para se prevenir. “Doença crônica, sistêmica e de causa desconhecida, o lúpus acomete principalmente mulheres, na maior parte das vezes na faixa entre os 15 e 35 anos. Os sintomas da doença variam de paciente para paciente, mas os mais frequentes são dores articulares, manifestações de pele, principalmente nas áreas expostas ao sol, inflamação da pleura e do pericárdio, anemia, alterações dos glóbulos brancos e plaquetas e doença renal”, explica Haim Maleh, fisiatra e reumatologista do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo.

Segundo o Dr. Haim Maleh, o diagnóstico é feito preenchendo certos critérios clínicos e de exames laboratoriais específicos pedidos pelo médico especialista na doença, o reumatologista. “O lúpus não é contagioso. Mas tem tratamento. O tratamento depende muito dos sintomas apresentados pelo paciente. Um dos medicamentos que pode ser usado é a Cloroquina, que é também usado nas manifestações de pele”, explica o reumatologista, lembrando que os portadores de lúpus devem buscar uma vida saudável, uma dieta equilibrada e evitar o sedentarismo.

– Um detalhe importante é que a pessoa com lúpus não pode expor-se ao sol. O uso de bloqueadores solares é recomendado a todos pacientes. Vale destacar que uma mulher com a doença pode engravidar, sim, desde que o lúpus esteja controlada há ao menos dois anos e ela não tenha doença renal. Já o uso de anticoncepcionais deve ser avaliado pelo médico que acompanha a paciente – orienta o médico do CREB.


Quer receber novidades?


COVID-FREE
O CREB se dedica diariamente a atender seus clientes com toda a atenção e carinho, venha e comprove ❤