(21) 3182 8282 Whatsapp Agende online
CONTEÚDO CREB SOBRE SAÚDENovidades

Ortopedista do CREB dá dicas para a terceira idade contra o risco de quedas

Não são apenas os idosos que correm o risco de cair e se machucar. Isso pode acontecer com qualquer um, mas é óbvio que as possibilidades disso acontecer com uma pessoa idosa são muito maiores. O maior problema, na verdade, não está na queda em si, mas sim nos efeitos que ela pode produzir em uma pessoa da terceira idade. As consequências é que mais preocupam os especialistas.

Segundo o ortopedista Bernardo Stolnicki, do CREB (Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo) e coordenador do CREB Prevrefrat (Programa de Prevenção a Refratura da clínica), o envelhecimento traz redução de massa muscular e óssea, perda de equilíbrio e força, e isso aumenta muito o risco de uma queda. E suas consequências.

  • Uma simples queda pode trazer um grande problema, como a fratura do fêmur, por exemplo, o que é extremamente comum e é uma das mais graves consequências de quedas de pessoas da terceira idade. Inclusive, aumenta a mortalidade da população idosa – alerta ele.

Stolnicki diz que todo cuidado e pouco. E lista as 11 recomendações para as pessoas da terceira idade, orientações , aliás, do próprio Ministério da Saúde sobre o tema:

  • evite tapetes soltos;
  • escadas, apenas com corrimãos nos dois lados;
  • idosos devem usar sapatos fechados e de sola de borracha;
  • use tapetes antiderrapantes no banheiro;
  • não ande em áreas com piso úmido jamais;
  • não encere a casa;
  • deixe luzes acessas de noite no caso de precisar ir ao banheiro;
  • caso ande de ônibus, espere que ele pare totalmente para subir ou descer dele;
  • atravesse sempre na faixa de pedestre, e esteja seguro de que o sinal não vai abrir imediatamente;
  • caso precise, use bengala, muleta ou andador.

Quer receber novidades?

O CREB se dedica diariamente a atender seus clientes com toda a atenção e carinho, venha e comprove ❤