(21) 3182 8282 Whatsapp Horários
CONTEÚDO CREB SOBRE SAÚDE

News | Viva sem dor

 

Lombalgia-hérnia de disco

Há mais de um ano, comecei a sentir fortes dores na coluna. Fui ao ortopedista, fiz algumas radiografias e fui encaminhada a um neurologista, que diagnosticou Protusão Discal, por hérnia de disco. Gostaria de saber com mais detalhes do que se trata e...

Há mais de um ano, comecei a sentir fortes dores na coluna. Fui ao ortopedista, fiz algumas radiografias e fui encaminhada a um neurologista, que diagnosticou Protusão Discal, por hérnia de disco. Gostaria de saber com mais detalhes do que se trata essa doença, se é caso cirúrgico, qual especialidade médica que pode tratá-la e se tem algum médico ou centro de referência para este caso. (Rosana Lopes de Brito, 29 anos, Copacabana)

Suas queixas de dor na coluna lombar, com irradiação para coxa e perna, com sensação de queimação e, às vezes, de dormência, são realmente sugestivas de hérnia de disco. Sugiro que procure a sua clínica de reumatologia e ortopedia, para o diagnóstico e início do tratamento, que poderá contar com acupuntura, Reeducação Postural Global (RPG), hidroterapia, em piscina aquecida, e eletroterapia, além de medicação apropriada para o seu caso. É importante frisar que mais de 95 % dos casos de hérnia de disco se resolvem muito bem, sem a necessidade de cirurgia. É importante que saiba da necessidade de cuidados simples, no dia-a-dia, para proteger a sua coluna. Caso queira, o CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo – disponibiliza gratuitamente folhetos informativos sobre problemas na coluna, que orientam a melhor forma de sentar, pegar peso, deitar, entre outras atividades do nosso dia-a-dia.

João Marcelo Amorim, Ortopedista do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo


Dor- Escoliose

Sei que tenho escoliose na coluna lombar e problemas de hérnia de disco. Como devo proceder e a quem devo procurar para alívio das minhas dores. Há alguma solução?

Sei que tenho escoliose na coluna lombar e problemas de hérnia de disco. Como devo proceder e a quem devo procurar para alívio das minhas dores. Há alguma solução? (Rute Maria – Madureira)

A escoliose é o desvio lateral da coluna e a hérnia de disco é um deslizamento do disco intervertebral que escorrega, saindo da sua posição natural. Com isto, pode ocorrer a compressão de alguma estrutura nervosa na coluna (como, por exemplo, o nervo ciático), ocasionando dor, queimação ou mesmo desconforto na coluna, com irradiação ou não da dor pelas nádegas, coxa, perna e mesmo o pé, com sensação de formigamento e dormência, ou mesmo diminuição da força ou sensibilidade da perna. É importante definir o diagnóstico, e a boa notícia e que há tratamento clínico, geralmente sem necessidade de cirurgia (cerca de 95% dos casos melhoram com tratamento clínico). Podemos alcançar ótimos resultados através de medicamentos, reabilitação física (exercícios corretivos e  R.P.G), acupuntura e a hidroterapia, que é excelente para estes casos. Sugiro que você procure a sua clínica de reumatologia e ortopedia, para iniciar o tratamento, já que você poderá ficar muito bem e sem dor, inclusive prevenindo e evitando novas crises.

Eduardo Sadigurschi – Reumatologista do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo – e da Sociedade Brasileira de Reumatologia


Dor no quadril

Venho há algum tempo sentindo umas fisgadas na perna direita, na altura da virilha, quando inicio o movimento ou caminho por mais de 30 minutos. Sinto, também, dores ao sentar e ao deitar. Às vezes, sinto pontadas. O que devo fazer?

Venho há algum tempo sentindo umas fisgadas na perna direita, na altura da virilha, quando inicio o movimento ou caminho por mais de 30 minutos. Sinto, também, dores ao sentar e ao deitar. Às vezes, sinto  pontadas. O que devo fazer? (Rui – Realengo)

Suas queixas são sugestivas de alteração da articulação do quadril – coxo femural,  podendo ser um processo degenerativo articular, chamado de artrose ou tendinite da coxo femural. Procure a sua clínica de reumatologia e ortopedia, que poderá lhe apresentar o correto diagnóstico através da sua história e do seu  exame físico, complementados por imagem de raios-x e ultra-sonografia. Com o diagnóstico estabelecido, você poderá utilizar medicação apropriada e adotar medidas importantes para o seu quadro, como a  hidroterapia, acupuntura, cinesioterapia, entre outras medidas apropriadas. Há um novo tipo de tratamento chamado T.O.C (Terapia por Ondas de Choque), que é praticamente indolor, não invasivo e que oferece melhoras em cerca de 80% a 85% dos casos de Tendinite ou de Bursite do quadril. Este novo tipo de tratamento alcança também ótimos resultados para tendinites de ombro e esporão de calcâneo. Não fique apreensivo: há tratamento e você pode
ficar muito bem

Clovis Munhoz – Ortopedista do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo e Professor de ortopedia da UFRJ



Quer receber novidades?


COVID-FREE
O CREB se dedica diariamente a atender seus clientes com toda a atenção e carinho, venha e comprove ❤