(21) 3182 8282 Whatsapp Horários
CONTEÚDO CREB SOBRE SAÚDE

News | Viva sem dor

 

Hipermobilidade: médico do CREB diz que doença pode trazer problemas

A hipermobilidade é a capacidade de por a mão no chão sem dobrar os joelhos, que a princípio demonstra uma boa elasticidade do corpo, mas na verdade é um defeito dos tecidos moles, como tendões e ligamentos. Essa doença tem característica genética be...

A hipermobilidade é a capacidade de por a mão no chão sem dobrar os joelhos, que a princípio demonstra uma boa elasticidade do corpo, mas na verdade é um defeito dos tecidos moles, como tendões e ligamentos. Essa doença tem característica genética benigna, mas que pode trazer problemas, como tendinite, escoliose e até a incontinência urinária.

A doença tem característica genética benigna

– Quem tem essa doença está sempre se machucando, sente dores e tem problemas na coluna. Ela afeta 30% da população e é mais comum entre mulheres e crianças – diz Clovis Munhoz, ortopedista do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo – e professor de ortopedia da UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Segundo o ortopedista do CREB, a hipermobilidade é a causa de grande parte das queixas de dor na coluna, ombro e joelho em trabalhadores de indústria.

– O problema provoca uma instabilidade articular que pode levar a lesões. É comum torcer ou virar o pé. A doença também pode causar a incontinência urinária. A musculatura da região pélvica (onde está a bexiga) é formada por tecidos moles, que ficam frouxos. Isso favorece a perda involuntária da urina – explica o médico.


Fisioterapia é excelente para tratar do bruxismo

Você sabe o que é bruxismo? Trata-se de uma doença que acomete milhões de pessoas no mundo inteiro, muito comum em períodos de estresse e que pode provocar dores e sérias consequências para a articulação temporo mandibular, responsável pela ligação d...

Você sabe o que é bruxismo? Trata-se de uma doença que acomete milhões de pessoas no mundo inteiro, muito comum em períodos de estresse e que pode provocar dores e sérias consequências para a articulação temporo mandibular, responsável pela ligação do crânio e a mandíbula. Segundo o reumatologista e fisiatra do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo -, Dr. Haim Maleh, também professor de reumatologia da UFF (Universidade Federal Fluminense), trincar inconscientemente a arcada dentária, principalmente durante o sono, é a principal característica da doença.

Trincar inconscientemente a arcada dentária

– Uma mandíbula trincada pode apresentar desgaste desgaste, dentes podem quebrar e, eventualmente, até pode resultar em uma artrite e degeneração da articulação temporo mandibular. O acometimento inflamatório ou degenerativo da articulação temporo mandibular é observado em cerca de 10% das pessoas que sofrem desse mal. O uso de terapia fisica para tratamento de desordens da articulação temporo mandibular tem ótimos resultados – explica o médico do CREB.


Ortopedista do CREB ensina como usar corretamente a mochila escolar

“O peso em excesso pode dar origem a problemas na coluna para o resto da vida, comprometendo a qualidade de vida da criança. Mochilas muito pesadas e inadequadas geram dor nas costas, postura incorreta e desvios na coluna vertebral, entre outros prob...

“O peso em excesso pode dar origem a problemas na coluna para o resto da vida, comprometendo a qualidade de vida da criança. Mochilas muito pesadas e inadequadas geram dor nas costas, postura incorreta e desvios na coluna vertebral, entre outros problemas”. O alerta é do ortopedista João Marcelo Amorim, do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo, e médico do time profissional de futebol do Flamengo, sobre um tema de suma importância:

Os males que uma mochila escolar pesada pode provocar em crianças

O Dr. João Marcelo dá algumas dicas importantes para atenuar o problema. Um dos erros mais comuns, diz ele, é a utilização da mochila em apenas um dos ombros, sobrecarregando um lado do corpo. O certo, garante, é utilizar a mochila sempre com as duas correias uma em cada ombro, independente do peso carregado.

– Além disso, na hora de arrumar a mochila, é importante colocar os objetos mais pesados no fundo, próximo ao corpo. A mochila deve ficar posicionada a oito centímetros acima da cintura e que o peso que ela carrega nunca deve ultrapassar a 10 % do peso da criança ou adolescente. Outra dica importante é levar somente o que for necessário. Às vezes, por preguiça ou esquecimento, a criança leva livros que não serão utilizados naquele dia, carregando peso a mais sem necessidade – ensina o médico do CREB.



Quer receber novidades?


COVID-FREE
O CREB se dedica diariamente a atender seus clientes com toda a atenção e carinho, venha e comprove ❤